Direito e Tecnologia cada vez mais próximos: o que a Law Tech Conference nos ensinou

 

O mundo evoluiu e continua evoluindo a passos largos quando o assunto é tecnologia. E esta evolução tecnológica está presente em absolutamente todas as áreas de conhecimento e produção, inclusive no direito. E foi pensando nisso que ocorreu em São Paulo, no último dia 23 de maio, a Lawtech Conference da StartSe, que reuniu mais de 2.500 profissionais da área jurídica para conhecer e discutir as tendências e as transformações causadas pela tecnologia no mundo do Direito.

Durante todo dia, os conferencistas tiveram a oportunidade de participar de palestras com diversos profissionais e pesquisadores nas áreas de direito e tecnologia, bem como a oportunidade de trocar experiências, conhecer dezenas de startups e experimentar novos produtos e soluções que ajudam a vislumbrar novas estratégias para o futuro.

Para João Daniel Barros, sócio e gestor da Barros & Mello Advogados, que esteve presente no evento, “a tecnologia já é algo subjacente às carreiras jurídicas e é essencial ao profissional de direito compreender que o seu uso não é somente necessário, como também determinante no sucesso de uma organização”.

Big Data, Inteligência Artificial, Internet das Coisas (IoT), Machine Learning, Analytics e outras tecnologias já estão dentro de escritórios do mundo todo. Só no Brasil 150 lawtechs surgiram e o setor passou a marca de $1 bi em financiamento no mundo. Eventos como o Lawtech Conference, permitem ao profissional do direito ou tecnologia ligada ao direito, estar conectado com o que há de mais novo no mercado e não deixe de fazer parte desse novo mundo.

Como toda mudança, as novas tecnologias trazem apreensão e um pouco de desconforto, mas devemos estar sempre de olho no que surge de novo e buscando aquilo que pode agregar valor e auxiliar na execução das tarefas do advogado.